std11circa2005                                                                                                          Studio 11 DJs circa 2005

Franca amanheceu hoje com o clima nublado, bem tipo  aqueles dias cinzas que são a marca registrada da cidade de Seattle, berço do rock alternativo dos anos 90. Em meio a esse clima cool, na tarde deste sábado 11, o Studio Eleven celebra seus 15 anos de existência, com uma festa que vai acontecer no Sr Lúpulo, uma casa especializada em cervejas artesanais que tem uma área externa coberta, perfeita para receber um evento desse tipo. A festa conjunta também celebrará os 5 anos de aniversário do Sr Lúpulo.

Na última década, o Studio Eleven, então um programa de rádio da extinta Rádio Unifran, tocava semanalmente tudo que estava em evidência no mundo do novo rock. Com isso, trouxe para a cidade de Franca as famosas “Festas do Studio Eleven”  que trazia pra tocar na cidade as bandas mais influentes do cenário indie rock nacional bem como os principais DJs da cena. Wry, Ludovic, Database foram apenas alguns dos nomes que tocaram aqui e posteriormente  consolidaram suas carreiras no cenário internacional.

E pra hoje, a programação musical estará impecável, quem for certamente irá curtir bons momentos revivendo toda essa década de bons sons.  O lineup começa às 16h em ponto, com um dos maiores DJs de Franca, o Rod Carrera, que preparou um set com todos os seus discos de rock alternativo, que são parte da sua coleção pessoal. Na sequência, entra os Std11 Djs, que irão tocar  toda essa trajetória indie rock dos anos 00. E pra encerar com chave de ouro, Carlos Xaves embala seu som até o último cliente.

Serviço:

Studio11 + Sr Lúpulo Rock Birthday Party
Onde: Sr. Lúpulo (Av. Alonso Y Alonso, 2671)
Quando: Hoje, às 16h
Quanto: GRÁTIS
Link do evento no FB:  https://www.facebook.com/events/1982191392027542/

Lineup DJs:

16h – Rod Carrera
18h – Sidney X
19h – Az
20:30h – Mark vs Newton B2B
22h – Carlos Xaves

 

 

IMG_9709

 

Para esquentar os ouvidos mais aguçados pelo novo rock, gravamos o novo mixtape da casa, edição de inverno, que traz novidades bem legais como a nova revelação de Los Angeles, o quarteto  Starcrawler liderados pela vocalista, teenage e estudante  Arrow de Wilde, que promete sacudir o rock como o conhecemos. O single “Ants” é prova disso e a banda acabou caindo nas mãos da Rough Trade em Londres. Isso me lembra uma história parecida que aconteceu em 2001… Mas voltando ao mixtape (rsrs) vasculhamos o underground do underground e trazemos em primeira mão o som do ShitKid, de Gotemburgo, toda a ferocidade punk dos ingleses do Life e o single “Ba Ba Ba”,   Exit Kid, projeto solo de Emre Türkmen,  tecladista do Years & Years, a deliciosa “Cherrybomb” do Dan Auerbach solo, a nova ( e absurdamente foda)  ”Corredor Polonês” dos Boogarins, e ainda  Nick Hakim e os australianos do Blessed fechando o mixtape na maior vibe. Vem que o clima está favorável.

Studio Eleven WinterMix 2017 Tracklist

01. Mew – The Wake Of Your Life
02. Sea Girls – Call Me Out
03. Exit Kid – Ceasar
04. Starcrawler – Ants
05. ShitKid – Alright
06. Life – Ba Ba Ba
07. Dan Auerbach – Cherrybomb
08. Art Freeman – Feeling Good About Feeling Good
09. Boogarins – Corredor Polonês
10. Nick Hakim – Roller Skates
11. Blessed – Fairytale


Boogarins_NN
                      Boogarins ao vivo no Stereo Lab Festival. Photo: Newton Nogueira

Uma turnê pelos Estados Unidos com 30 shows começando na próxima semana, matérias de capa nos cadernos de cultura de jornais pelo mundo – do Estado de São Paulo ao New York Times – e um show na cidade mineira de Uberaba antes de tudo. Assim é agenda do Boogarins, possivelmente a banda brasileira mais bem sucedida fora do Brasil hoje. Não, melhor: a banda brasileira – que canta em português – mais bem sucedida fora do Brasil hoje. A rotina de shows pode ser um pouco exaustiva, como me contou o baixista Raphael Vaz após o show da banda no Stereo Lab Festival, que aconteceu em Uberaba no último sábado.  Mas se por um lado é cansativo, por outro traz consigo a importância de abrir um novo capítulo na história da música brasileira. E não poderia ter melhor momento para isso acontecer.

Era pouco mais de duas da manhã quando os primeiros acordes de “Falsa Folha de Rosto”  davam início ao que viria a ser uma das melhores apresentações que eu já vi na vida.  E olha que não foram poucas.  O Boogarins faz música que toca na pele, que se transforma conforme se desenvolve,  como o vento que bate na cara, surta e de repente fica calmo novamente. É quase como uma onda que quebrou no mar. Um som que te envolve no começo mas quando acaba, tudo o que você quer é sentir isso de novo, porque é bom.  O que o Boogarins representa hoje para a música pop brasileira e toda sua importância só o tempo irá dizer. O que posso adiantar é que enquanto  esses quatro senhores – Dinho Almeida, Benke Ferraz, Raphael Vaz e Yanaiã Benthroldo – se divertem no palco, eles formam talvez, a banda brasileira mais importante dos anos 00.

*O Boogarins se apresenta no Brasil novamente em julho, como headliners da surpreendente segunda edição do festival Circadélica, que acontece de 20 a 24 de julho em Sorocaba, SP. Nos vemos lá?

 

IMG_6976                                                                                                        artwork: az (visualcom)

Vamos bater o martelo de uma vez por todas nesse 2016? E para deixar sua festa da virada bem legal, fizemos essa playlist no Spotify, com todos aqueles hits que marcaram nossa geração. Uma geração que sempre foi sedenta para ouvir coisa nova. Uma geração que ama o novo, o indie, o alternativo, o psicodélico e todos os rocks. Uma geração antenada em tudo que a gente vem falando nos últimos 14 anos, antes no nosso programa de rádio, agora aqui no blog , nas redes sociais, nas festas e discotecagens por aí. Se prepare para uma viagem pelo tempo onde cada som conta uma história sobre o Studio 11 que com certeza você também fez parte.

Então vai, pra bater o martelo de uma vez por todas em 2016 e abrir as portas para o ano novo que vem aí, presenteamos vocês com Studio Eleven Smash Hits, a playlist oficial do Studio Eleven no Spotify. Ouça no player abaixo ou siga no Spotify e ouça quando e onde quiser!
Boa audição e um muito obrigado a todos! Que o seu 2017 seja repleto de realizações. Happy Holidays!

Tagged with:
 

IMG_6975                                                                                                artwork: az (visualcom)

Ho Ho Ho! O velhinho Noel acaba de chegar por aqui com um saco vermelho cheio de novidades em forma de música. Músicas de atitude roqueira,  naquele formato de mixtape que eu sei que você adora. Essa playlist vem repleta de bandas quentíssimas, daquelas que você ainda nem ouviu falar, mas que já estão sendo apontadas mundo afora como as possíveis revelações de 2017. Um verdadeiro presente para nossos fãs e seguidores, que continuam fieis ao estilo de tocar que a gente sempre imprimiu por aqui. Um estilo que caminha com a gente desde os tempos do nosso programa de rádio. O estilo Studio 11 de tocar novo rock. Ouça, curta e compartilhe com a hashtag #Std11RockYourXmas. Bem vindos ao natal roqueiro do Studio 11 e…  Merry Xmas you all!

 

show-chic-hernandez-e-batuqueira-band-sesc_-29-5321cfece7988-900x600-620x350Chic Hernandez e Batuqueira Band: banda toca na última noite do festival   (divulgação)

Começa hoje a partir das 19h no Cine Clube Cauim em Ribeirão Preto, a primeira edição do Festival Cauim é Nosso que traz para a cidade, uma intensa programação de música, cinema e arte ao longo das próximas 3 semanas.
O evento inédito acontece no histórico Cine Clube Cauim, que há pelo menos 37 anos exibe sessões alternativas e filmes do circuito não comercial, tornando-se hoje um patrimônio cultural de Ribeirão Preto.

A boa iniciativa foi idealizada pelos produtores David Barral e Simone Duboc, mais o presidente e fundador do Cauim Fernando Kaxassa, na tentativa de fomentar a cena musical independente de Ribeirão,  e ao mesmo tempo, reascender a chama do Cauim, que recentemente enfrenta dificuldades de manutenção em função da crise econômica atual no país.

Por e-mail, a produtora Simone Duboc falou para o  Studio Eleven sobre a importância de um festival como esse:  ”O festival vai permitir que o público conheça um pouco mais da cena independente da nossa cidade, com as bandas e djs ocupando um espaço voltado para a produção e difusão da cultura. É nessa interação/colaboração que está a importância do festival, inclusive para a cidade, pois torna a arte acessível a todos.”

Além da apresentação das bandas e DJs, uma lista de clássicos do cinema incrementam a programação do festival, com a exibição de filmes como “O Iluminado”, de Stanley Kubrick,  ”O Inquilino”, de Roman Polanski , “À Meia Noite Levarei Sua Alma”, do Zé do Caixão e o aclamado documentário do Bob Dylan dirigido por Martin Scorcese “No Direction Home”, que abre a sessão de cinema hoje às 22h.

A entrada é gratuita, mas o público vai ter a chance de colaborar com cada artista com a quantia que desejar de uma forma bem simpática:  a antiga tradição de passar o chapéu será resgatada, dando um charme à parte ao festival. Ponto para a organização!

 

cineclube-cauim

O CAUIM E EU

Dizem que na lista das coisas que você tem que fazer antes de morrer está assistir um filme na sala de cinema do Cine Clube Cauim. Lembro do meu primeiro contato com o Cauim, quando meu grande amigo Aldrey Resende me convidou para ir na festa Tutu Black que agitava as noites de domingo no espaço do cinema, mas acabei indo mesmo em  meados de 2012, em uma edição de fim de ano, naquela semana do Natal.  Foi surpreendente sentir a energia daquele lugar ao som dos Tutu Djs. Ficamos tão amigos que meses depois aconteceu a minha estreia como DJ na festa dos Tutu. Foi quando pude tocar um pouco da minha veia black na pista, coisa que nunca tive a oportunidade de fazer nas festas de rock do Studio Eleven (por motivos óbvios rs). Curiosamente ainda não assisti um filme na famosa sala de cinema do Cauim, vou aproveitar o festival para ticar isso na minha agenda.

Festival Cauim é Nosso – Programação:

23/11 – Quarta-feira

19h – Simone Duboc
20h – Bavid
21h – Simone Duboc
22h – “No Direction Home – Bob Dylan”, Martin Scorsese

24/11 – Quinta-feira

19h – Dj Rafones (O Hierofante)
20h – Metaloris
21h – Dj Rafones (O Hierofante)
22h – “O Iluminado”, Stanley Kubrick

25/11 – Sexta-feira

19h – Dj Mod.
20h – Monofuzz
21h – Dj Mod.
22h – “À meia-noite levarei sua alma”, José Mojica Marins (Zé do Caixão)

30/11 – Quarta-feira

19h – Perereca
20h – Invasores do Sertão
21h – Perereca
22h – “Os irmãos Cara de Pau”, Dan Aykroyd e John Landis

1º/12 – Quinta-feira

19h – Dj Simone Duboc
20h – Calamar
21h – Dj Simone Duboc
22h – “Amarelo Manga”, Claudio Assis

2/12 – Sexta-feira

19h – Dj Danilo Psico
20h – Dresden
21h – Dj Danilo Psico
22h – O Inquilino – Roman Polanski

7/12 – Quarta-feira

19h – Perereca
20h – Regis Martins & Cia Fantasma
21h – Perereca
22h – “Loki – Arnaldo Baptista”, Paulo H Fontenelle

8/12 – Quinta-feira

19h – Dj Kcond
20h – Muda
21h – Dj Kcond
22h – “O Cheiro do Ralo”, Heitor Dhalia

9/12 – Sexta-feira

19h – Dj Shareid
20h – Chic Hernandez Batuqueira Band
21h – Dj Shareid
22h – “Simonal – Ninguém sabe o duro que dei”, Claudio Manoel

SERVIÇO:

Quando: de 23/11 a 9/12, sempre de quarta a sexta, com início às 19h
Onde: CineClube Cauim (Rua São Sebastião, 920, Centro)
Quanto: entrada gratuita

 

Tagged with:
 

speedy-ortiz-s-sadie-dupuis                                                                                              Photo: Maria Jose Govea

Aposto que você ainda não conhece a banda Speedy Ortiz. A menos que seja bem antenadinho(a), você não conhece.  Mas calma, eu também não conhecia até outro dia, quando conversando com meu parça de toda hora Az, numa daquelas conversas tipo “o que você está ouvindo aí?”,  ele disparou um link do youtube via whatssap pra eu ver. A primeira coisa que chamou atenção foi a voz da vocalista Sadie Dupuis (foto), que além de cantar, toca guitarra e escreve as letras super poéticas dos sons da banda. Depois você se apaixona pelo timbre das guitarras, que tem  identidade própria e que vai te conquistar. E então, quando você menos espera…bingo!  Já vai estar querendo ouvir tudo deles hehe.  Bem, eles são de Boston, né? Pode-se esperar tudo de uma banda de Boston!
Ouça abaixo a ótima “Death Note” do último trabalho dos caras, Foiled Again, lançado em junho deste ano.  E digamos que, você esteja passando pelos Estados Unidos dezembro, pegue o primeiro voo para Boston no dia 08 e veja eles ao vivo no House of Blues.

Tagged with:
 

toro-y-moi-mattson-2-star-stuff-tour                                                                                           Photo: Lucky Banks-Kenny

Toro Y Moi, um dos prediletos do Studio Eleven anunciou novo álbum em colaboração com o duo de rock Mattson 2, intitulado Chaz Bundick Meets the Mattson 2. O disco só deve sair em março de 2017, mas os caras disponibilizaram a ótima “Star Stuff”,  faixa que coloca o brilho psicodelico do Toro Y Moi com uma pegada meio rock anos 70.

Ouça “Star Stuff” abaixo e confira também as datas da turnê.

Toro y Moi + Mattson 2 Tour Dates

11/07 - Neptune - Seattle
11/09 - Wonder Ballroom - Portland
11/10 - The UC Theatre - Berkeley
11/11 - SLO Brew - San Luis Obispo
11/14 - Crescent Ballroom - Phoenix
11/15 - Tricky Falls - El Paso
11/16 - Meow Wolf - Santa Fe
11/17 - Fox Theatre - Boulder
11/18 - Urban Lounge - Salt Lake City
11/19 - Knitting Factory - Boise
11/20 - The Badlander - Missoula

 

Tagged with:
 

IMG_4844

Os sons que emplacam nosso novo mixtape edição de inverno vem em sua maioria da Austrália,  país que não para de fabricar bandas novas bem legais. De Melbourne, por exemplo, vamos conhecer o single novo do Tiny Little Houses e também a deliciosa “Surgery of Love” do The Delta Rigs. Tem também o som das irmãs Findlay que formam a cool  Stonefield, cujo novo single “Changes” é candidato a melhor do ano. Tem ainda o duo de Sydney Huon Kind com o hit single “Easy For You”.  Para abrilhantar mais um pouquinho temos o som do Spring King, direto de Manchester,  e o poderoso single novo do Justice. E  para abrir tudo isso, que tal uma banda da Califórnia, que atende pelo nome de… (leia Swimmers)  SWMRS ?  Para ouvir alto e sem moderação. Aproveite!

Studio11 2016 Winter Mixtape Tracklisting
01. SWMRS – BRB
02. Spring King – Detroit
03. Stonefield – Changes
04. Tiny Little Houses – Milo Tin
05. The Creases – Impact
06. The Amity Affliction – This Could Be Heartbreak
07. Ball Park Music – Nihilist Party Anthem
08. The Delta Rigs – Surgery of Love
09. Justice – Safe and Sound
10. Huon Kind – Easy For You
11. Drapht ft. Dune Rats – Mexico

Tagged with:
 

 

Std11_Essential_Mix

 

O post definitivo do ano chega bem a tempo de você ouvir o que foi essencial em 2015. Tem muita coisa boa escolhida a dedo, no que se define em “as 11 faixas mais importantes do ano” : ) Na  pista,  nomes de destaque como Foals, Wolf Alice, Diiv e Beach Slang, se alternam ao lado de bandas novíssimas que são garantia de boa diversão, que é o caso do Wall, Velcro Hooks e Spring King. Essa é a vibe. Esse é o Studio Eleven. Enjoy our mixtape. Nos veremos bem mais por aqui  em 2016!

 

Studio Eleven 2015 Essential Tracks Mixtape

01. Spring King – Who Are You?
02. Estrons – Make  Man
03. Wolf Alice – Giant Peach
04. Beach Slang – Throwaways
05. Foals – Mountain At My Gates
06. Velcro Hooks – Severin The Mind
07. Diiv – Under The Sun
08. Blue House – Hot Air Ballons
09. In Heaven – Bitter Town
10. Wall – Milk
11. Unknown Mortal Orchestra – The World is Crowded

 

*artwork: az  |  words: mark  |  mixtape: stdudio eleven